Disney+

Ator revela que adoraria continuar no MCU

O último episódio de “Falcão e o Soldado Invernal” vai ser disponibilizado nessa sexta-feira (23), e os fãs estão curiosos para ver se a Marvel Studios irá concluir a história ou deixar algumas perguntas no ar, de forma a criar expectativa para uma próxima temporada. Todos também querem ver Joaquín Torres assumir o lugar de Sam Wilson como o novo Falcão, algo que foi comentado por Danny Ramirez. “Então, o conserto [das asas] será feito, para quem quer que seja. Eu acho que o Joaquín é muito bom em reparar as coisas, com certeza. Ele sabe mexer com tecnologia, então acho que ele não deve ter muito trabalho em juntar as asas novamente. Ele precisa consertar, não importa as condições em que estejam. Acho que ele vai se divertir com elas, ele, certamente, vai ter bons momentos com as asas”, disse.

Em entrevista ao Collider, o ator também revelou que estudou a personagem das revistinhas em quadrinhos para participar da série do Disney+. “Eu fui avisado muito cedo de que a personagem teria uma inspiração nos quadrinhos. Existem diferenças entre o MCU e as revistinhas, mas eu as li ainda quando estava sendo considerado para o papel apenas para conhecer mais da magia da personagem. Ele é alguém muito excitante e divertido. E foi isso que eu tentei dar na série. Ele tem muitos outros traços que eu achei que seriam interessantes de usar”, explicou. “Mas eu sei tanto quanto você. Se ele se tornar alguém como [a pessoa] nos quadrinhos, vai ser muito divertido, mas ainda tenho que esperar para ver o final do programa. Nós vamos descobrir juntos”, despistou ele.

Apesar de não revelar nada do que deverá acontecer no último episódio, Ramirez contou ao site que muitas falas do seriado foram improvisadas. Além da dança de Helmut Zemo, que viralizou nas redes sociais, outras cenas também contaram com falas e gestos que não estavam no roteiro. “Muitas cenas tiveram a ver com a forma com que nós interpretamos nossas personagens. A Kari [Skogland] confiou em nós. E a gente sabia o que podia fazer e quais regras obedecer. E acho que todos podem ver isso. Com atores tão fenomenais como o Sebastian [Stan] e o Anthony [Mackie], isso acabou funcionando.

Questionado se alguma cena improvisada terminou sendo cortada, ele revelou que chegou a fazer uma brincadeira em relação à banda BTS, que terminou sendo eliminada na edição. “Talvez tenha sido por uma questão de licenciamento, não sei”, mas não existe muita coisa que terminou não sendo aprovada”, disse.

Sobre o destino de Torres no MCU, Ramirez não deu spoilers, mas chegou a dizer que adoraria trabalhar com alguns atores da Marvel Studios. “Bom, Sam é minha primeira resposta para tudo, seria incrível montar uma equipe com ele. Eu venho ouvindo muitas teorias dos fãs e acho que sim, seria muito divertido trabalhar com Tom Holland, mesmo que para uma única cena juntos. Nós provavelmente não estaríamos lutando, mas uma cena juntos já seria muito bom, eu acho. Penso que seria bem dinâmico, então eu amaria trabalhar com ele no futuro. E também Benedict Cumberbatch, ele é um fenômeno e trabalhar com ele também deve ser. Tom Hiddleston…Então, sim, existem tantos atores incríveis no MCU que eu penso em uma forma de estar envolvido em suas histórias ou em uma única cena. Eu certamente amaria ter essa oportunidade”, disse.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.