Cinema

CEO afirma que processo irá alterar contratos com artistas

Em meio à batalha judicial com a estrela de “Viúva Negra”, Scarlett Johansson, Bob Chapek, CEO da The Walt Disney Company, participou, nessa terça-feira (21), de uma conferência com investidores e foi questionado sobre a compensação dos talentos de Hollywood diante das mudanças provocadas pela pandemia e pelas plataformas de streaming. Pela primeira vez desde o início da polêmica, o executivo falou sobre a relação da companhia com os artistas e, sem citar o nome da atriz, afirmou que todos os futuros contratos com talentos serão alterados. “A Disney tem uma longa história de uma relação simbiótica e de muita cooperação com seus talentos, e nós continuaremos a ter. Certamente, o mundo está mudando, e as negociações com os talentos daqui pra frente terão que refletir o fato de que o mundo está mudando. Nós estamos em um momento em que os filmes foram pensados e desenvolvidos sob um entendimento daquilo que o mundo seria”, disse ele.

“Lembre-se de que esses filmes foram feitos há três ou quatro anos. Esses negócios foram fechados há três ou quatro anos. Em seguida, eles são lançados no meio de uma pandemia, e a própria pandemia está acelerando uma segunda dinâmica e mudando o comportamento do consumidor. Então, estamos meio que colocando um pino quadrado em um buraco redondo agora porque temos acordos firmados sob um certo conjunto de condições, mas os filmes estão sendo lançados em uma situação completamente diferente”, acrescentou Chapek durante a “Goldman Sachs 30th Annual Communacopia Conference”.

“Vamos pensar mais sobre isso em negociações futuras. Vamos planejar todas essas situações com talentos futuros e ter certeza de que tudo isso está sendo incorporado. Mas, agora, temos esse tipo de posição intermediária, na qual estamos tentando fazer o que é certo pelo artista, e o artista está tentando fazer o que é certo por nós. Estamos descobrindo uma forma de preencher a lacuna. Em última análise, acreditamos que os nossos artistas são nossa ferramenta mais importante e continuaremos a compensá-los, como sempre fizemos, de uma forma justa e de acordo com os termos do contrato que eles assinaram conosco”, completou.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.