Disney+

Crescimento do Disney+, nos EUA, diminui

Desde que foi lançado em 2019, nos Estados Unidos, o Disney+ tem sido comentário nas redes sociais. O crescimento do serviço em relação a alguns de seus concorrentes vinha sendo motivo de comemoração por parte da companhia, provocando, inclusive, uma reestruturação na organização da The Walt Disney Company, que aumentou o foco no streaming. Agora, porém, novas informações não-oficiais revelam que a plataforma não está conseguindo novos clientes conforme esperado.

De acordo com dados obtidos e analisados pelo The Information, o crescimento do serviço, nos Estados Unidos, diminuiu desde o início de 2021. Grande parte dos novos clientes está na América Latina e na Índia, que é, agora, o maior mercado do Disney+ e tem recebido altos investimentos.

Da última vez que a companhia divulgou o número oficial de assinantes, no início de abril, a plataforma estava com 103.6 milhões de clientes. Segundo o The Information, o número está, atualmente, em cerca de 110 milhões. Desses, pouco mais de 38 milhões estão na Índia, um aumento de 12 milhões em apenas seis meses. Enquanto isso, os Estados Unidos e o Canadá possuem, juntos, uma média também de 38 milhões de usuários, somente 1 milhão a mais que a quantidade que tinha em fevereiro deste ano. A publicação, portanto, aponta que o aumento do preço em ambos países pode ter diminuído o interesse de novos consumidores. Na Índia, o serviço custa o equivalente a US$ 0.45 por mês. Já nos EUA, US$ 7.99/mês. O acréscimo de US$ 1 na assinatura, que começou a valer em março deste ano, pode ser o motivo do pequeno crescimento no país, segundo o site, que ainda afirmou que um debate já deve estar ocorrendo nos bastidores da The Walt Disney Company.

O The Information também indicou que a plataforma não tem atingido a expectativa do público com seu conteúdo original. Com exceção das séries da Lucasfilm e da Marvel Studios, nenhuma outra tem sido responsável por atrair novos clientes. À publicação, um porta-voz da empresa afirmou que “a análise está incorreta e apresenta uma série de inconsistências, não representando a performance do serviço”. Dados atualizados, porém, não foram informados.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.