web analytics
Hong Kong Disneyland Resort

HK Disneyland deverá ficar fechada por mais tempo

Autoridades de Hong Kong, na China, confirmaram, nessa segunda-feira (27), mais um recorde no número de novos casos de COVID-19, na região. Apenas em um dia, foram mais 145 infectados após cerca de 40 mil moradores da área de Tsz Wan Shan serem testados. “Esse é o período mais severo e mais desafiador dos últimos seis meses, e as próximas duas, três semanas são cruciais. Nós temos dado nosso melhor para impedir a disseminação do vírus, e eu gostaria de fazer um apelo às pessoas: fiquem em casa o máximo que puderem e reduzam o contato social”, declarou Matthew Cheung Kin-Chung, Secretário-Chefe do governo.

Nos últimos seis dias, Hong Kong continua registrando um aumento nos casos e, por isso, as autoridades decidiram impor novas restrições. A partir dessa quarta-feira (29), apenas grupos de duas pessoas poderão se reunir, nas ruas. Anteriormente, a medida permitia aglomerações de até 4 indivíduos. Os restaurantes não poderão servir em espaços internos e deverão priorizar serviços de entrega e retirada. Todas as pessoas acima de 2 anos de idade deverão usar máscaras. Não haverá mais exceções para exercícios físicos ou para quem quiser fumar. Aqueles que descumprirem as novas regras poderão ser multados em cerca de US$ 645. Academias, centros esportivos, cinemas e piscinas públicas não irão funcionar até, pelo menos, 16 de agosto.

Além disso, todas as escolas da região irão permanecer fechadas. Elas haviam voltado a funcionar no dia 8 de junho, mas foram encerradas, mais uma vez, no último 13 de julho. Dois dias depois, Hong Kong Disneyland também precisou interromper as atividades, mais uma vez, por ordens do governo. A expectativa de que o parque voltasse a funcionar, esta semana, não deverá se concretizar, visto que as autoridades locais ainda não conseguiram controlar a nova onda de infecções, que é considerada a terceira desde dezembro. O governo estuda a possibilidade de um lockdown, mas acredita que isso seria ainda mais prejudicial para a população e economia locais.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.

Facebook

Parceiros