Walt Disney World Resort

Jacarés são removidos de complexo

Nos últimos cinco anos, aproximadamente 250 jacarés foram retirados de Walt Disney World Resort, na Flórida. A informação é do Orlando Sentinel, que afirma que, desde 2016, quando uma criança foi atacada e morta por um desses animais, o complexo vem tomando medidas mais eficazes para proteger seus visitantes e membros do elenco.

Entre o dia do ataque e esta terça-feira (22), a “Florida Fish and Wildlife Conservation”, organização que é a responsável por remover animais selvagens e relocá-los, contabilizou 17 mil reclamações sobre jacarés em todo o estado da Flórida. Quase 8 mil foram capturados e transferidos para outras áreas. Desses, 250 estavam no complexo da Disney. Uma estimativa ainda dá conta de que, desde 2009, foram 429 jacarés apreendidos no resort.

Desde a morte de Lane Thomas Graves, de 2 anos, que estava hospedado com a família no “Disney’s Grand Floridian Resort & Spa” e terminou morto por um desses animais, o complexo instalou placas para alertar os visitantes sobre a fauna local e encorajá-los a manter distância de lagos, bosques e mata fechada. Além disso, barreiras físicas também foram construídas. A Seven Seas Lagoon, por exemplo, que banha os hotéis na região de Magic Kingdom, continua cercada por redes para impedir que os guests tenham acesso à água ou que animais entrem no espaço dos turistas. Desde o episódio, nenhum outro ataque foi registrado no complexo.

Como uma homenagem a Lane Graves, um memorial foi erguido no hotel em 2017 e lá permanece.

Ao jornal, especialistas informaram que a remoção e transferência dos jacarés de um lugar para o outro não impactam o ecossistema natural. Atualmente, a Flórida possui uma média de 1.3 milhão desses animais. Apesar de terem estado ameaçados de extinção entre 1967 e 1987, eles conseguiram se recuperar e já não correm mais riscos.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.