Disney+

Novo filme da Pixar não irá mais para os cinemas

A Disney Media & Entertainment Distribution anunciou, nesta sexta-feira (7), que “Red: Crescer é uma Fera”, a próxima animação da Pixar, não irá mais estrear nos cinemas de todo o mundo como previsto anteriormente, mas será um lançamento exclusivo do Disney+. “Os assinantes do Disney+ de diferentes partes do mundo receberam de braços abertos e com muito entusiasmo o vencedor de um Oscar, Soul, e o desenho aclamado pela crítica, Luca, quando eles estrearam, exclusivamente, no serviço e, agora, nós mal podemos esperar para lançar a próxima incrível aventura da Pixar, Turning Red“, disse Kareem Daniel, Chairman do departamento.

“Dada a demora na recuperação das bilheterias, particularmente, para filmes dedicados à toda a família, flexibilidade continua sendo a chave da nossa estratégia de distribuição, e nossas decisões têm priorizado a entrega de um conteúdo sem paralelos para audiências do mundo inteiro”, acrescentou o executivo.

“Turning Red” vai contar a história de Mei Lee, uma garota confiante de 13 anos, que está lidando com os desafios de permanecer junto de sua mãe e o caos da adolescência. Ming, sua genitora, nunca está longe dela. Como se as mudanças nos interesses, relações e corpo da menina já não fossem suficientes, sempre que ela está com as emoções à flor da pele, ela se transforma em um gigante panda. A direção da animação é de Domee Shi, e a produção, de Lindsey Collins.

A data de lançamento continuará sendo a mesma: 11 de março. Apenas os países onde o Disney+ ainda não existe exibirão o filme nos cinemas.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.