web analytics
Walt Disney World Resort

Ohio aconselha cidadãos a evitar viagens para a Flórida

Em uma postagem no Twitter, esta semana, o governador de Ohio, nos Estados Unidos, Mike DeWine, aconselhou os cidadãos a evitarem viagens para determinados estados americanos onde o índice de COVID-19 continua a aumentar. Ele ainda afirmou que quem decidir ir a esses lugares precisarão ficar em quarentena por, pelo menos, 14 dias no retorno. “Baseando-se nos últimos números, os cidadãos de Ohio são aconselhados a evitarem viajar para os seguintes estados. Qualquer pessoa que entrar em Ohio depois de viajar para esses lugares precisarão ficar isoladas por 14 dias”, escreveu ele.

A lista criada pelo governo de Ohio relaciona estados americanos onde o índice de testes positivos para o novo Coronavirus está acima de 15%. Entre eles estão Flórida, Alabama, Mississipi, Carolina do Sul, Arizona, Kansas e Idaho. A ordem de quarentena dada pela Flórida para os turistas com origem no “Tri-State” também permanece. Com base na Lei de Reciprocidade, viajantes que entram em Nova York vindos da Flórida também precisam ficar ficar isolados.

De acordo com o “Florida Department of Health”, a Flórida registrou, até essa sexta-feira (31), mais de 432 mil casos positivos e quase 6 mil mortes.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.

Facebook

Parceiros