Disneyland Resort

Preços de estacionamento em complexo sobem em até 40%

No que depender da administração de Bob Chapek, atual CEO da The Walt Disney Company, não vai demorar para que a empresa recupere os prejuízos causados pela pandemia. Depois de aumentar os preços dos ingressos de Disneyland Resort, o complexo modificou, também nessa segunda-feira (25), os valores dos estacionamentos dos parques e hotéis.

Enquanto para deixar seu carro na garagem “Mickey & Friends” ou na “Pixar Pals”, o visitante precisa pagar, agora, US$ 30, cerca de 20% a mais que o valor anterior, para estacionar em algum dos hotéis, o hóspede tem que desembolsar, pelo menos, US$ 35 por noite. O preço é 40% superior ao cobrado até o último domingo (24), que era de US$ 25. Carros de maior porte passam a pagar US$ 40, por diária, em vez de US$ 30. Já o serviço com manobrista sobe de US$ 35 para US$ 50. A nova tabela é aplicada aos três hotéis do resort: “Disneyland Hotel”, “Disney’s Grand Californian Hotel & Spa” e “Disney’s Paradise Pier Hotel”.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.