web analytics
Cinema

“Rise of Skywalker” pode arrecadar US$ 200 mi na estreia

Ainda é cedo para afirmar, mas de acordo com as primeiras estimativas, “Star Wars: The Rise of Skywalker” deve mesmo ser o filme de menor arrecadação da mais recente trilogia. As previsões apontam que o longa deve arrecadar, no primeiro fim de semana, entre US$ 175 e US$ 200 milhões, apenas nos Estados Unidos. Enquanto alto para uma estreia, o valor é pequeno se comparado a “The Last Jedi”, que alcançou US$ 220 mi, e “The Force Awakens”, que chegou a US$ 247 mi apenas nos primeiros dias.

Dentre os três, “The Force Awakens” deve permanecer sendo o mais bem sucedido. O filme arrecadou mais de US$ 936 mi domésticos, sendo o recordista de bilheterias nos Estados Unidos e passou dos US$ 2.068 bilhões, em todo o mundo. “The Last Jedi” conseguiu, ao todo, US$ 1.332 bi, sendo US$ 620 milhões de origem americana.

Os valores estimados podem alterar logo nos primeiros dias quando o assunto tomar conta das redes sociais e os comentários de quem já viu o filme começarem a circular na internet. A Disney tem feito o que pode para evitar um fracasso em arrecadação e tem investido na divulgação da longa. Apenas nas últimas semanas, duas revistas de importante circulação dedicaram suas edições à produção, e novos comerciais e trailers foram divulgados.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.

Facebook

Parceiros