Star+

Spin-off de “The Walking Dead” segue nos planos de emissora

Um spin-off de “The Walking Dead” poderá, em breve, ser anunciado. A ideia, que já é comentada há algum tempo, foi, dessa vez, citada por Jeffrey Dean Morgan, que interpreta Negan. Em entrevista ao TV Line, ele disse que sua personagem ainda tem muito a oferecer e que está discutindo algumas possibilidades com o estúdio que produz o programa. “Eu meio que sei como a temporada tem funcionado até agora. E estamos abrindo janelas aqui e ali que podem servir para mais histórias do Negan. Existem muitas coisas sendo discutidas comigo e com o pessoal da AMC. Veremos”, disse.

“Eu amo o Negan. Nós temos uma oportunidade incrível de mergulhar na história desse homem, que se tornou muito interessante ao longo dos últimos anos. Eu, certamente, não me oponho a mantê-lo vivo por mais alguns anos para que possamos descobrir mais sobre ele. [Mas] quero dizer, Negan ainda pode se ver a sete palmos debaixo da terra [antes da 11ª temporada terminar], então isso pode ser um problema, a menos que seja uma prequela”, acrescentou.

Ainda durante a mesma entrevista, o ator revelou que gostaria de abordar a história da sua personagem no futuro. “Eu vou ser muito honesto com você. Se fosse de eu fazer mais [episódios], eu gostaria de poder continuar a história dele e não ter que voltar no tempo. Eu amo o que mostramos até aqui. Podemos fazer uma série curta sobre como ele se tornou o líder dos Salvadores, o que seria interessante, mas eu preferiria mostrar o futuro. De toda forma, existem muitas possibilidades. E o futuro seria muito mais interessante que o passado”, concluiu.

No Brasil, “The Walking Dead” está disponível no Star+.

Sobre o autor

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto

Patriolino Ribeiro Neto é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Fortaleza. É também graduado em Jornalismo, área em que atua há mais de dez anos. Em 2008, a estreia na televisão ocorreu quando passou a comandar um telejornal esportivo. Viajar sempre foi uma paixão, tornando-se parte do seu trabalho em 2009. A curiosidade pela Disney o inspira desde pequeno. Muito cedo, começou a frequentar os complexos de parques temáticos da empresa ao redor do mundo e, até hoje, os tem como destinos preferidos. Dentre os seis resorts, Walt Disney World e Disneyland são seus prediletos.